sábado, 29 de setembro de 2012

O nosso “Carlinho Cachoeira”



Por: Alex Mendes

Juruti tem o seu Carlinhos Cachoeira. O cara vem usando sua mansão para reunir com autoridades mais poderosas do município. Ali são feitas as tramas contra desafetos dele.  

O esquema é tão escancarado que até o resultado do Festival das Tribos deste ano foi manipulado com consentimento dos presidentes das agremiações na sala da mansão, sobre os olhares penetrantes do nosso “Carlinho Cachoeira”. 

“Carlinho Cachoeira” está enrolado até o pescoço com a justiça e tudo indica que deve terminar seus dias pagando advogado para livra-lo da “solitária” e das algemas. 

Aliás, o nosso “Carlinho” comanda varias empresas “laranja” em nosso município e inclusive o jogo do bicho. 

O esquema é tão perfeito que o grupo de “Carlinho”  indicou dois candidatos para concorrer ao executivo municipal. 

A última de “Carlinho” é que ele espalhar que comanda hoje a Polícia Federal, a partir de sua mansão. Sinceramente, eu não acredito nisso. Duvido que qualquer delegado, mesmo frequentando a mansão, se dispusesse a participar dos esquemas propostos por um cidadão merecedor da cela da PF, não dos favores. 

Estou de olho no “Carlinhos” há tempo e estou pronto para abater esse esquema em pleno vôo.

Escrevam aí: Em breve aquela mansão será maldita e aquele motorista será o nosso “Roberto Jefferson”.

Lucidia reúne uma multidão em uma reunião que virou comício



O centro de Juruti ficou tomado por milhares de pessoas que acompanharam atentas as propostas de Lucidia Batista e Marisson Garcia. A reunião que virou comício, contou com a participação de mais de quatro mil pessoas.


Em seu discurso Lucidia Batista agradeceu a grande adesão que a coligação vem recebendo e a participação maciça da população. “Este é o principal indicador de que a população de Juruti está confiando em nossas propostas e está depositando em nós a responsabilidade de conduzirmos os rumos do nosso povo nos próximos quatro anos”.

Lucidia ressaltou que a população de Juruti terá uma prefeita dedicada e empenhado durante os quatro anos de mandato. “Os moradores desta cidade terão em mim a certeza de uma prefeita que estará ao lado das pessoas, porque estaremos nos bairros participando ativamente da vida dos moradores desta cidade”, reforçou Lucidia.

Lucidia reafirmou ainda seu compromisso de uma campanha limpa e com respeito aos cidadãos Jurutiense. “Firmei um compromisso com a população de Juruti de que faria até o final do período eleitoral uma campanha propositiva, discutindo projetos que sejam viáveis para nossa cidade. E assim tenho feito em nossas reuniões e comícios. Vou continuar respeitando os moradores de Juruti, como sempre fiz”, garantiu.

Lucidia Batista fez um alerta importante à sociedade ao lembrar que sua família está sendo vítima de uma farsa política, montada com o objetivo de agredir sua honra e de sua família. “Os nossos adversários estão desesperados, estão usando da política suja para tentar perseguir minha família. Confio em Deus e na força do povo. Garanto aos senhores que minhas mãos são limpas e vou fazer uma administração voltada para os pobres”. 

Lucidia disse, ainda que foi divulgado uma pesquisa manipulada para tentar desqualificar sua liderança em Juruti. “Meus amigos o maior termômetro do que estamos na frente na pesquisa é ver esse mar verde aqui. Prometo a vocês que vou fazer uma administração revolucionaria e de mão dadas com todos vocês”.

Lucidia lembrou que Juruti nunca teve na história uma candidata a Prefeitura com uma base de apoio tão forte como a nossa. “reunimos a maior força política do Estado. Reunimos, especialmente, pessoas que residem em Juruti, que têm compromisso com essa cidade, e que amam Juruti”.

Marcos Aurélio: “A lama que vende como água”


Por: Alex Mendes  
O candidato Marcos Aurélio é um especialista em factóides. Marcos foi vice de Henrique Costa nos dois mandatos do político. Ele teve uma grande chance de provar que não é simplesmente uma marionete do atual prefeito, mas jogou a oportunidade na lata do lixo, ajudando o petista a fazer uma péssima administração.


Henrique Costa é simplesmente um alpinista social, cuja única lembrança que temos na mente mais recorrente é as mansões que ajudou a construir com dinheiro público para seus secretários. 

Henrique cuspiu na cara do povo durante sete anos, ele revolucionou a forma de rapinar o dinheiro do contribuinte. Agora sem escrúpulo nenhum, tentou forja uma pesquisa que coloca Marcos Aurélio à frente na pesquisa de Lúcidia Batista. O instituto que realizou a pesquisa em Juruti vai ter trabalho depois do dia 07 de outubro para explicar para população o resultado dessa pesquisa. Pesquisa forjada. Henrique passou a vida inteira se vendendo como água mineral, quando na verdade é lama da pior espécie.

As viúvas de Henrique passaram os últimos dias dizendo que teria uma bomba em Juruti. A pesquisa forjada de Henrique não passou de “Peido de Velha”. Henrique é cínico e dissimulado e mente descaradamente para população vai pegar o troco nas urnas.

Agora Henrique apresenta sua marionete para administrar Juruti. Marcos Aurélio é uma  agressão a inteligência do povo é uma farsa. Mais uma bravata, mais um jogo de cena, típico de quem está desesperado. Henrique, que se gaba de ser fiel, bom marido e honesto, anda cercado pela escória da sociedade, uma gente capaz de cometer qualquer indignidade para manter-se no poder. Henrique tem telhado de vidro e sabe disso. Henrique desperta em mim os meus instintos mais primitivos. Ele é meu javali preferido.

Marcos Aurélio é a continuidade de Henrique Costa. Essa gente vai cuspir na nossa cara por mais quatro anos.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Lucidia Batista: "Não tenho dúvidas de que vamos vencer as eleições"



 Hoje, o site Lucta Social entrevistou Lucidia Batista (PMDB) que afirmou está preparado para governar Juruti. Indagada sobre as chances de sair vitorioso na disputa pela prefeitura, Lucidia é enfática: “Não tenho dúvidas de que vamos vencer as eleições”.

Lucta Social - Porque seria uma boa prefeita para Juruti?
Lucidia Batista – Juruti avançou muito, mas é preciso avançar ainda mais. Tenho consciência que as demandas que a cidade tem hoje crescem a cada dia. Portanto, temos urgência em atender as necessidades da população. Para isso, é preciso experiência e competência comprovada. Não temos tempo a perder com experimentos. Minha experiência na vida publica me credencia administrar Juruti. Violência, saúde e educação são áreas que temos que dar atenção imediata, já que a população exige uma solução rápida e eficaz para estes e outros temas que discutiremos nessa caminhada que se inicia.



LC - Quem considera o seu principal adversário?
Lucidia Batista - Eu não escolho adversário. Minha preocupação é apresentar ao povo de Juruti uma proposta de trabalho que resolva a fundo as principais reivindicações da população. Em um primeiro momento as questões mais urgentes, que dizem respeito à vida e ao bem estar imediato, principalmente daqueles que estão em situação de vulnerabilidade. Em seguida, as questões que atingem a população como um todo, independente de classe social.

LC - Como avalia suas reais chances de vencer as eleições?
Lucidia Batista - Não tenho dúvidas de que vamos vencer as eleições. Porque temos um compromisso histórico com o povo da nossa cidade. Essa força que sempre nos acompanha. Nossas propostas são reais e dizem respeito às questões fundamentais da vida das pessoas. Não iremos propor nada que não tenha esse objetivo. Avançar nas conquistas dos últimos anos e defender novas ideias para que Juruti se transforme na cidade que todos sonhamos e queremos.


LC - Se eleito, qual seu principal projeto para Juruti?
Lucidia Batista - A valorização da vida. Atender os desejos e necessidades, primeiramente, dos que mais precisam. Suas demandas em relação à segurança, à saúde, à educação, ou seja, tudo aquilo que trata das maiores preocupações da família Jurutiense. Em seguida tratar da organização da cidade.

LC - Como o novo prefeito de Juruti poderá ajudar o governo do Estado a combater a criminalidade?
RL - Este será um tema central da nossa administração. Como citei na resposta anterior, a valorização da vida será o objetivo maior do nosso trabalho. Nada é mais importante e urgente que a preservação da vida. Para este fim estarão dirigidos todos os nossos esforços do nosso governo. A questão da segurança é, sim, um problema também do prefeito. Não podemos jogar a responsabilidade só para o governo federal.

Precisamos desenvolver uma política integrada, onde a solução da criminalidade não passe apenas por operações policiais, mas sim pela atenção aos jovens de 18 a 25 anos, faixa da população que mais sofre as consequências da falta de políticas públicas para a área da segurança. Eles precisam estar ocupados, estudando, praticando esportes, tendo aulas de computação, música, ou seja, envolvidos em ações culturais e esportivas que possam, aliados à educação, oferecer uma vida saudável que os afastem da criminalidade. A questão é complexa, mas não teremos solução sem o foco na cidadania e na cultura da paz. Isso não é discurso de candidato. É um compromisso.

LC - No campo da educação, a senhora tem algum projeto, como por exemplo, as escolas em tempo integral?
Lucidia Batista - Certamente. Todos sabem o compromisso do PMDB com a educação. Educação de tempo integral é o modelo mais eficiente para uma educação de qualidade. Como falamos há pouco, quando o jovem permanece na escola estudando, praticando esportes, tendo aulas de computação, música, entre outras atividades, ele está afastado da criminalidade e da violência urbana. Além disso, a qualificação do professor, com a formação continuada e a melhoria salarial, é garantia de uma educação melhor e de qualidade. O Ministério da Educação possui diversos programas e fontes de financiamento que podem ajudar, e muito, nesse processo.

LC - Já que as drogas são apontadas como o motivo principal dos índices de violência, a prefeitura pensa em investir em CAPS (Centros de Apoio Psico-Social) voltado para dependentes químicos?
Lucidia Batista  - Além do trabalho de assistência social, vamos ampliar os serviços por meio de parceria com o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Os CRAS e os CREAS são portas de entrada para ajudar as pessoas em vulnerabilidade social, entre elas os dependentes químicos, a saírem dessa situação. Convênios com instituições que tem experiência em tratamento de dependência química também fazem parte da solução. Ou seja, reforço que as soluções para os principais problemas da nossa cidade não podem ser resolvidos de forma isolada. Eles precisam ser vistos de forma integrada e as soluções buscadas a partir das ações da prefeitura, em parceria com o governo federal, que hoje disponibiliza muitos recursos para quem tem bons projetos. Mas há também a necessidade do envolvimento de cada um na solução desses problemas. A participação popular será também uma marca do meu governo. 

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

“A minha vida inteira eu lutei e venci”, disse Lucidia Batista


 A candidata a Prefeitura de Juruti, Lucidia Batista (PMDB) comentou o resultado da pesquisa que foi divulgado pelo Blog de Notícias de Santarém (Blog do Jeso Carneiro), “Pesquisa não vence e nem perde eleição. O que vence e perde eleição e a vontade do povo. Sou democrata e a vontade do povo e o clamor das ruas são soberanas. E se depender do povo, estamos eleitos. Porque nossa campanha só tem crescido desde do inicio da eleição. Disputo a eleição de mãos limpas e faço política com amor no coração. Sou candidata do povo e vou vencer com vontade de Deus e com força do povo”. 


Segundo Lucidia Batista, os números da pesquisa não batem com as pesquisas realizadas pela equipe de campanha dela. “Pesquisa internas nossa nos dão margem de 10% a frente do segundo colocado. “Não acredito nos números dessa pesquisa. O povo vai desmoralizar este instituto”, disparou Lucidia. 


Ela disse ainda que não se baseia em pesquisa, e sim no carinho da população nas ruas. E afirmou que este instituto vai ter problemas para explicar o resultado final nas urnas. "Eles vão ter que arranjar muitas desculpas", declarou a candidata.


"Os que pagam a pesquisa destinam o lugar daqueles que não pagaram. É pesquisa que não tem valor, declarou Lucidia.


Já disse uma vez que quero ser a prefeita de todos. Eu convoco a todos. Eu os chamo à responsabilidade. Ninguém tem o direito de ficar em casa. Tome a sua atitude e venha conosco. Levo no peito, no coração, nos olhos, na mente, a imagem que colhi de juruti durante minha vida toda dedicada a este município: à vontade, o ânimo, a garra, a luta, a disposição de cada um. Vamos a vitória”!

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Lucidia: "A ESPERANÇA VAI VENCER O MEDO"



A candidata a Prefeitura de Juruti Lucidia Batista disse em comicio realizado na comunidade Castanhal que o PT está há oito anos governando Juruiti e não tem autoridade de fazer o discurso da renovação. Usando uma frase que marcou a campanha nacional do PT em 2002, Lucidia , disse que “a esperança vai vencer o medo” nas eleições municipais, numa crítica aos discursos do atual prefeito que em oito anos nada fez para melhorar a vida da população.


“Eles (o PT) tentam impor a política do medo. Em 2002, chegaram ao poder dizendo que o medo não venceria a esperança. Agora, digo que a esperança de Juruti vai vencer o medo”, disse Lucidia.


 “O medo que o povo de Juruti tem é da violência, da criminalidade, do tráfico de drogas e da pedofilia. Medo de bater na porta do Hospital da cidade e não ser atendido. Medo de enfrentar outra vez um governo pequeno e mediocre”, afirmou a candidata.


 “Eles perderam uma grande oportunidade de mudar a vida da população. Henrique governou Juruti para seus amigos. Em vez de mudar a vida da população Henrique passou seu mandato todo perseguindo minha família. O povo de Juruti vai dar a resposta nas urnas, em outubro. Juruti sempre foi livre para escolher e não vai deixar o medo vencer a esperança”, acrescentou.

Emoção – Durante o comicio Lucidia chegou a se emocionar ao citar as perseguições que sua família sofreu durante estes oito anos de governo.

Ao lado do vice Marison Garcia, Lucidia anunciou propostas para as mulheres, entre elas a de criar um núcleo de advocacia gratuita para aquelas vítimas de violência doméstica.